29 de mai de 2011

Palestra da Profª Maria Cecília de Souza Minayo

Algumas considerações feitas pela Mirna Juliana do Cine Narrativas sobre a palestra da Profª Maria Cecília de Souza Minayo no III Encontro com Pesquisadores que ocorreu no Auditório Paulo Freire no dia 24/05, que podem nos ajudar a pensar nossos trabalhos metodológicos. 


Os parâmetros científicos são dados pelo método. Todo assunto estudado deve ser problematizado, senão se torna um assunto do senso comum. Essa problematização deve ser embasada pela revisão teórica/literária.
Além da parte operacional se usa a criatividade para montar a pesquisa. É por aproximação e aperfeiçoamento que se faz a pesquisa qualitativa. A obra resultante da pesquisa qualitativa é uma obra interfertilizada.
Os seguintes elementos de um texto científico fazem com que qualquer texto possa ser lido por qualquer pessoa no mundo:
Conceitos – unidades de significação.
Categorias – formas de classificação.
Noções – conceitos inacabados, incompletos, obscuros.
Hipóteses –  aquilo que eu acho, mas não tenho certeza.
Vale ressaltar que a classificação ajuda a compor o conceito. Ambos, classificação e conceito, são históricos e se diferenciam de uma sociedade para a outra.
Científico é um trabalho que tem um método.
Na pesquisa social, sobretudo na pesquisa empírica, a intersubjetividade não é um defeito, ela é uma necessidade, pois não conseguirei fazer uma boa pesquisa se eu não tiver empatia com o meu objeto.

As Ciências Sociais podem ser caracterizadas sob os seguintes aspectos:
1º ponto: é uma ciência histórica; o objeto de estudo quase sempre são sujeitos.
2º ponto: é eminentemente qualitativa, isso não quer dizer que não seja levado em conta a quantitatividade. A pesquisa qualitativa está ligada à subjetividade dos sujeitos.
3º ponto: o seu objeto de estudo tem as mesmas características do sujeito. Ao se trabalhar com sujeitos a produção é ainda subjetividade que precisa ser trabalhada através do método. Se temos um bom método, melhor é a nossa produção em ciências sociais.
4º ponto: caráter ideológico das ciências sociais. Existe uma impossibilidade estrutural das ciências sociais de serem neutras. A objetivação do conhecimento será maior ou menor conforme o método, o conhecimento e experiência do pesquisador.

Minayo sempre que termina uma pesquisa leva os resultados para seu campo, chama as pessoas significativas do campo de pesquisa para conversar sobre o relatório preliminar da pesquisa antes de fazer o seu relatório final.

Livros da autora citados na palestra:
La artesania de la investigatión cualitativa
Comentários sobre o livro:
Pesquisa Social: teoria, método e criatividade
Comentários/resumos sobre o livro:
http://www.histedbr.fae.unicamp.br/res1_9.html
http://www.webartigos.com/articles/49268/1/RESUMO-DO-LIVRO-PESQUISA-SOCIAL-TEORIA-METODO-E-CRIATIVIDADE/pagina1.html
O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde
Comentários/resumos sobre o livro:
http://www.qir.com.br/?p=2906

Mirna Juliana Santos Fonseca

Um comentário:

Adriana Hoffmann disse...

Muito bom esse resumo de Mirna!
Beijos,
Adriana